0

Perdida

quinta-feira, 21 de abril de 2011.

                
Trancada em meu quarto, sem querer, deixo lágrimas caírem. Lágrimas de vergonha.
Eu queria poder esquecer-te, apagar as memórias que persistem em invadir a minha mente.
Quero desaparecer, fugir para um outro mundo, fechar os olhos e pensar que tudo foi uma fantasia.
Quero ser levada com o vento...
Quero pegar as minhas aflições e trancá-las em uma caixinha, para que elas não voltem a me atormentar.
Dor...
Lágrimas...
Memórias...Que aos poucos estão me desfazendo.
Afogo-me com as lágrimas e abafo os meus gritos no travesseiro.
Sou apenas uma garotinha que está perdida.
Quero fechar os olhos e esquecer de tudo.
Quero ser levada com o vento...
Desaparecer...
Infectada...
Fui banhada com águas insanas, águas corrompidas com o veneno da dor.
Esquecer-te
Fugir dos meus pensamentos...
Quero correr com uma menina amedrontada.Correr sem destino.
Não quero enfrentar a realidade, quero pensar que nada aconteceu.
Memórias sujas...
Quero que o vento me leve.
Entenda-me...
Abrace-me...
Perdoe-me...
Minhas mãos, braços, pernas, ouvidos, olhos...
Perdidos no poço da misericórdia...
Quero que o vento me leve.
Leia Mais...
1

Estrela

   
Eu fecho os meus olhos e escuto a chuva batendo nas folhas das árvores.
Nos meus devaneios eu penso em ti, nas tuas palavras, no teu olhar.
Eu percorri um caminho infinito para poder lhe alcançar, para ter a chave da verdade. Mas eu me perdi, não havia alguém segurando a luz...
A fita que nos conectava se rompeu.
Nas tardes quentes de verão eu fecho os meus olhos tentando sentir a sua presença, mas parece que você está muito longe. Minha voz não lhe alcançará.
Deitada em meio as flores que você tanto gostava eu estico os braços tentando tocar aquele céu azul, mas ele continua ali, inerte,Como eu queria poder pegar uma nuvem, será que assim eu te sentiria?
O sol vai se pondo e as estrelas que você tanto admirava vão aparecendo uma a uma. Se eu me esforçar uma pouco eu conseguiria pegar aquele que mais brilha?
O vento sopra no meu rosto levando as minhas lágrimas.
Então esse é o adeus?
Eu nunca desistirei, com certeza eu pegarei aquela estrela para ti, somente ti.
Os galhos dançam deixando que o vento conduza eles. Estão espetando o céu...
Minhas lágrimas chegaram até ti?
Leia Mais...
 
Meu Refúgio © Copyright 2010 | Template By Mundo Blogger |