Run Devil Run

quinta-feira, 11 de novembro de 2010.


Corra demônio, corra das minhas presas. Eu quero lhe matar, tirar-lhe cada pedaço do seu corpo e beber o teu sangue escutando a música que você mais gosta. Torturar-te aos poucos...
Não quero mais você, não me importo mais com o teu toque, não o quero dentro de mim, deveria fazer direito quando pôde, agora não quero mais o teu amor.
Aguentei todas as suas traiçõe, mentiras, cóleras, e está na hora de lhe mostrar que eu já não suporto mais. Quero me divertir, que tal?
Você está num beco sem saída, não há como correr muito mesnos gritar.
Com uma faca o rasgarei, o emparalei...
Lhe espancarei até implorar por sua vida...
Me banharei no seu sangue, cozinharei seus órgões...
Te mandarei a pior das magias negras...
Escutarei os seus gritos agonizantes, e me divertirei...
Me tornarei teu vício, não poderá me esquecer, irá se entregar a mim...
Com uma dama de ferro irei atingir seus órgões vitais...
Com o berço de Judas tudo estará perdido...
Sua cabeça irei cortar...
Um voodoo irei fazer, e você estará acabado...
Despedaçarei sua alma, assim lhe farei lembrar o que você fez a mim...
Te colocarei numa gaiola, e suas asas irão quebrar, não consiguirá voar...
Abracadabra e tudo está acabado...
Irei esperar por um homem que me ame. Com certeza ficarei melhor sem você.
Já te esqueci...

.. Baby ..

Comentários:

 
Meu Refúgio © Copyright 2010 | Template By Mundo Blogger |